24 julho 2011

R.I.P Amy


É, a Amy Winehouse morreu a nós e a música ficaram mais tristes. Tenho uma ligação muito forte com ela, porque foi sobre ela e sobre a cantora Feist que escrevi o meu primeiro post aqui. Estava encantada com a voz, a música, as letras, a sinceridade... A Amy realmente era uma mulher muito talentosa, mas no fim, embora tenha rolado uma surpresa, todo mundo meio que já esperava que isso acontecesse algum dia. Ficam aqui os nossos pêsames, dores, condolências, o que nome queiram dar. 


Amy Winehouse - "Tears Dry on Their Own"

Um comentário:

Ricardo Faria disse...

grandes nomes da musica
infelizmente tem sido levados pelas drogas e outras coisas...

tristes
estamos nós perdendo o pouco que nos resta da boa musica seja "daqui" ou do cenário internacional...

confesso que jamais comprei um cd dela... que por estar numa fase "murrinha" estava esperando preços mais convidativos para comprar os seus cd's... podem falar o que quizer compro apenas original...

e vou esperar o boom da morte dela passar para garantir os meus...

ao menos isso teremos em nossa memória
a genialidade dessa mulher

fuiiiiiiiiii