19 maio 2011

Serge Gainsbourg é homenageado por Scandurra e companhia

Edgard Scandurra acompnhado pelo trio Les Provocateurs_Giovanna Vitulli
 
O compositor e cantor francês Serge Gainsbourg (2/5/1928 a 2/3/1991) influenciou várias gerações de músicos. Aqui no Brasil, o último nome a receber influências da “chanson française” foi Thiago Pethit, mas covers e versões de músicas dele já foram entooadas por aí. Bandas como Placebo, Luna, Nick Cave, Arcade Fire, Kyle Minogue e muitos outros nomes já homenagearam o cantor e compositor sofisticado de Paris.

Brasília recebe nesta sexta-feira, dia 20 de maio, às 20h o músico Edgard Scandurra e o grupo Les Provocateurs para um show especial, dedicado a Gainsbourg. “Descobri em Serge Gainsbourg um exemplo de artista que se desprendia do passado, criando sempre novas músicas em diversos estilos. Tanto para ele quanto para outros artistas. Essa sempre foi a minha meta como músico, Não ficar olhando para o meu passado e poder sempre apontar novos caminhos em minha música”, explica o guitarrista Edgard Scandurra, que encabeça o projeto.      

Esta celebração ao trabalho de Serge Gainsbourg nasceu em 2008, quando o francês completou 80 anos. Passaram-se 20 anos desde sua morte e ainda hoje ele é lembrado. O trio feminino que acompanha Scandurra é formado pela mulher Andrea Markel e pelas cantoras Juliana R. e Bárbara Eugênia. Mais uma agregação que aconteceu por um acaso na música: “Abri um pequeno bistrot em São Paulo, chamado “Le Petit Trou”, já influenciado pela cultura francesa. Vi a possibilidade de fazer pequenos shows no meu espaço e, através do amigo e agitador cultural Eduardo Beu (que fará as projeções do show), conheci a Juliana R. e a Bárbara Eugênia, todas fãs de Serge Gainsgbourg. Mas a Andrea talvez seja a responsável por minha investida na música e na gastronomia, já que ela é a minha esposa”, revela Scandurra.

Além das cantoras do Les Provocateurs o show ainda terá a participação do carioca Fausto Fawcett, que segundo o guitarrista “é também um grande admirador” de Gaingsbourg. Para completar, a banda é formada ainda por Astronauta Pinguim (teclado), Claudio Fontes (bateria), Henriqeu Alves (baixo), Christophe Hidalgo (voz), que dão um ar mais “rocker” para as canções.

A música “Requiem Pour un Con” foi traduzida para o português por Alex Antunes e “Elisa” e “Amores Perdidos” ganharam versões aportuguesadas com letras de Arnaldo Antunes, com quem Scandurra está tocando desde o lanaçamento do disco Iê iê iê. O paulista amante do francês ainda explica que as canções cantadas na apresentação estão mais focadas nos anos 60, “na fase mais iê iê iê de Serge Gainsbourg”.

Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Para mais informações ligue no 3206 9448.

Nenhum comentário: