02 novembro 2009

Maria Rita


A cantora Maria Rita foi convidada para abrir a primeira edição do projeto Viver Cultura, que visa promover a cultura brasileira. O show iria acontecer no Clube do Servidor,mas mudou de lugar e foi direto para o vizinho da frente, o Centro Comunitário da UnB. Quem já conhece o lugar ficou com medo do som no funcionar muito bem, pois a acústica do local não colabora. Esse foi um dos motivos para Maria Rita dedicar aquela noite ao pessoal da técnica, que estava trabalhando. A mudança de lugar também deixou a paulistana com um friozinho na barriga: "Gostaria de agradecer a todos vocês pela presença, essa mudança de última hora nos deixou com medo de que o show ficasse vazio".

Mas um show de Maria Rita não tem como ficar vazio, pelo menos no se depender de seus fãs. "Esta é quinta vez que assisto a esse show. No sou muito de sair de casa, mas quando Maria Rita vem à Brasília eu faço questão de acompanhar", disse Luis Antônio Magalhães, programador musical das rádios Câmara e Cultura Fm. O local estava cheio e para acomodar os convidados do Sindjus, cadeiras foram colocadas no lado direito do palco.

Maria Rita ainda está apresentando o show de seu terceiro disco, Samba Meu (2007). Como o próprio nome diz, o disco é recheado de sambas, em sua maioria assinados por Arlindo Cruz. Com seu micro-vestido, mostrando as belas pernas e uma simpatia enorme, fazendo caras e bocas, Maria Rita cantou grande parte de Samba Meu e no deixou as músicas antigas de lado. Catou canções como "A Festa", "Pagu" (de Zélia Duncan e Rita Lee), "Encontros e Despedidas" (de Milton Nascimento) e "Cara Valente" (Marcelo Camelo) todas de seu primeiro disco. O momento mais emocionante aconteceu quando Maria Rita cantou "Caminho das Águas" (de Rodrigo Maranho), pois a cantora teve que conter as lágrimas por lembrar de seu pai, César Camargo Mariano.
A última música antes do bis, já não tinha como ficar sentado e todo mundo levantou ao som de "Conta Outra", faixa bônus de Segundo. Porém, com os gritos e palmas, Maria Rita voltou e terminou o show com "O homem falou" (Gonzaguinha), deixando saudades.

Nenhum comentário: